Gato pode andar graças a implante nas patas traseiras

Vincent, um gatinho de três anos finalmente deu seus primeiros passos, graças a uma prótese nas patas feitas especialmente para ele.

Vincent chegou à um abrigo de animais em Nevada, Iowa, quando tinha apenas 1 mês.

Ele possuía uma anormalidade nas duas patas traseiras, e por isso não andava. O caso de Vincent era raro e os veterinários não tinham certeza do que causou tudo isso.

“Normalmente, um gato como ele, quando chega a um abrigo, não tem muitas chances.”, conta Cindy Jones, voluntária do abrigo de Vincent. “Mas assim que olhei pra ele, me apaixonei e levei-o pra casa.”

Vincent tinha uma anomalia desconhecida pelos veterinários que o atenderam (Foto/Divulgação)

Vincent tinha uma anomalia desconhecida pelos veterinários que o atenderam (Foto/Divulgação)

Conforme ele crescia e ganhava peso, feridas tomavam suas perninhas, que não conseguiam se sustentar.

Até que os veterinários do Hospital veterinário de Iowa tiveram a ideia de construir implantes que poderiam ser inseridos nos ossos do fêmur.

Esse tipo de procedimento é tão raro que estima-se que menos de 25 animais no mundo inteiro fizeram uma cirurgia parecida. “Você faz o que precisa fazer para deixar seu animal bem e saudável”, diz Cindy.

“Vincent não consegue pular… ainda! Mas provavelmente é só uma questão de tempo.”, disse a veterinária de Vincent, Dr. Mary Sarah. “Os ossos dele estão ótimos…Os implantes estão estáveis, e ele está andando muito bem. Ele não poderia estar mais feliz!”.

E a veterinária ainda completa: “Isso nos abre uma porta para ajudar outros animais com problemas similares. Com o que aprendemos com o caso de Vincent, aprimoramos nossas técnicas e os implantes, então na próxima vez teremos ainda mais sucesso!”

Fonte: Cat Club

, , ,