Animais invisíveis em abrigos reencontram a felicidade ao lado de novas famílias

Milhões de animais vivem em abrigos com a esperança de serem adotados e alguns esperam anos para conseguir uma família adequada. Fatores como idade, capacidade física e personalidade podem fazer com que algumas pessoas vejam os animais como menos “adotáveis”, mas estes cães e gatos quase “invisíveis” são tão merecedores de um verdadeiro lar como todos os animais.

Às vezes, são os seres humanos que precisam de resgate e suas vidas mudam completamente quando eles abrem suas casas e seus corações para um animal em necessidade. Veja histórias inspiradoras de adoção de animais que poderiam ter sido esquecidos em abrigos dos Estados Unidos.

Acaba a espera de Win

BARCS Animal Shelter/Facebook

BARCS Animal Shelter/Facebook

Quando uma pessoa entra em um abrigo com a intenção de adotar um cão que já está lá há bastante tempo ou não é tão “adotável”, como os outros, isso deve ser muito comemorado.

Isso foi exatamente o que aconteceu quando Ronnie Stanley, sua namorada e alguns amigos visitaram o abrigo BARCS, em Baltimore. Depois de conhecerem alguns filhotes, eles decidiram adotar Winter. Os primeiros seis anos de vida da cadela foram bastante difíceis, mas Winter finalmente tem uma família que a ama.

Uma segunda chance

O cão Little Chance perdeu suas patas traseiras após ser atropelado por um carro e deixado na estrada. Ele teria sua morte induzida até que o San Antonio Pets Alive  lhe dar uma segunda chance.

Michael, que também usa uma cadeira de rodas, instantaneamente se apaixonou pelo cão e decidiu adotá-lo. Agora, a dupla participa de aventuras divertidas e foi até mesmo destaque em um comercial para da Kleenex, no qual Michael disse: “Eu sabia de suas dificuldades,pois também as tenho e que poderíamos superar estes obstáculos juntos.”

Eric e Peety

Às vezes, os seres humanos e animais salvam uns aos outros. Médicos disseram a Eric que ele morreria em cinco anos se não mudasse seu estilo de vida e perdesse peso. Ele ficou arrasado e procurou ajuda. Foi seu nutricionista que lhe deu a ideia para adotar um cão, informou o One Green Planet.

Depois de visitar a Humane Society do Vale do Silício, ele encontrou Peety, um cão mais velho que também precisava perder alguns quilos. Os dois começaram a caminhar juntos e o resultado final foi incrível. Peety já faleceu, mas a história inspiradora de como ele mudou a vida de Eric ficará para sempre.

Miley Cyrys e Barbie

Miley Cyrus/Facebook

Miley Cyrus/Facebook

Beagles são torturados em laboratórios de pesquisa por causa de seu comportamento dócil. É horrível pensar que esses animais são usados em testes, mas há grupos como o The Beagle Freedom Project que lutam para acabar com esta indústria terrível.

A organização resgata animais que eram abusados em laboratórios e ajuda a conscientizar o público sobre a terrível indústria de experimentação animal. Barbie é um dos beagles salvos pelo grupo. A cachorra pequena e adorável conquistou o coração da cantora Miley Cyrus que também busca alertar as pessoas sobre os testes em animais.

Uma gata incompreendida

One Green Planet

One Green Planet

Cinco. Este é o número de lares adotivos que a gata Kitty teve antes de ser finalmente adotada. Kitty era considerada muito travessa, mas, eventualmente, alguém decidiu apreciar sua personalidade.

Fonte: Anda
, , , ,